quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

...

Faça isso.
Não faça desse jeito.
Não esqueça aquela parada.
Mas também não fique atento demais nisso.
Não fale sobre isso.
É importante comentar sobre aquele lance.
No fim, não deixe de fazer aquele outro.
Mas também não force em demasia.
Não esqueça deste negócio.
E não use aquilo.

Muito blablabla...