segunda-feira, 30 de agosto de 2010

(...)

E finalmente o Blogger arrumou o problema dos comentários sumidos.
Por isso cá estamos mais uma vez com um texto que não contemplará verdades maiores que, talvez, constatação de fatos.

Iria escrever sobre a poluição das eleições, sobre o desperdício de água e sobre o fechamento deste blog e abertura de um novo e sobre a fita veda rosca, tudo em seu devido textinho, bonito e tudo mais.
Não. Vai tudo aqui para ser bem resumido.

Eleições presidencias e afins no Br. Afora as críticas contra a política e tudo mais, o que me irrita profundamente é a poluição que esses malditos candidatos fazem. É poluição sonora (carro de som é a pior invenção do século). É poluição visual (todos têm a mesma cara e é feia). E é poluição urbana (vai desperdiçar papel com santinho assim lá longe...). Enfim, eleições com suas poluições irritam.

Água. Um professor meu disse tempos atrás que um ser humano precisa de 1.000 a 2.000 m³ de água por ano para sobreviver. O brasileiro tem 255.000 m³. Nem por isso as donas de casa e afins precisam insistentemente desperdiçar água como se fosse inesgotável. Me pergunto onde estão a Agência Nacional de Águas e o Ministério do Meio-ambiente nestas hora... Só ficar com campanha de fazer xixi durante o banho não dá!

O blog novo foi deletado, portanto continuemos com o blog velho e seus resquícios de pós-adolescência.

Fita veda rosca. Simplesmente uma das melhores invenções do século em que foi inventada. Não precisa de cola e faz tudo voltar a ser quase como deveria ser, e é baratíssima. Fantástica!

Aos minguados leitores, desculpem o tom diaresco do texto.