sábado, 18 de abril de 2009

...

Críticas esta hora da noite?! Vai saber... o mundo não é o lugar mais justo do mundo, não enquanto a humanidade continuar respirando o ar semipoluído. E? E mais nada, oras... Cansaço também conta. Assim como a gaita muito bem tocada no momento. Digitar é bom, mas relembra velhos "dilemas". Hoje, há que se esperar uma tal resposta (droga, citei... achei que não faria mais isso... droga!!!), amanhã um emprego decente talvez. Não amanhã amanhã, mesmo porque amanhã é domingo, dia de treino incomum. Amanhã daqui um tempo...

Continuarão os treinos amanhã? Sim se considerar amanhã como domingo, se não, não faço idéia. Do futuro só o Nostradamus e a mãe Diná! Eita mulher fodona!!! Tão fodona quanto aquele cara que um dia fez aquele lance que um outro presenciou e resolveu escrever sobre. Pena nunca ter sido publicado. Só lembro mesmo que era semelhante ao que Nietzsche algum disse sobre o que alguém outrora escrevera sobre aquele assunto deveras polêmico para aquela época tão incerta. O época desgraçada! Dava até um sentimento meio assim... No fim, foda...

No limite, as pessoas usam frases de efeito no msn para parecerem algo. Alguém um dia me disse que as pessoas são aparências, o que vendem. Discordei primeiramente porque costumamos fazer isso. Discordei com a afirmação de que Platão já vira o problema da relação essência/aparência. O importante era a essência. Sim, era. No fim, se é essência, é igual em todos, portanto, não há diferenciação entre A e B. É tudo A. Mas, se se considera as aparências, sim, temos diferenças bem grandes, o que torna a humanidade mais cretina, porém mais interessante ao mesmo tempo. O lance é achar alguém interessante. E os cretinos... bom, estes merecem algo ruim! hahahahahahahhahahahahaha